Zona economica cinza

O tamanho do espaço cinza na Polônia é um problema significativo. Nosso país está lutando com isso praticamente sempre, com os efeitos opostos. No entanto, nós gastamos muito bem neste lugar em comparação com os próximos países do antigo bloco oriental, e para a Europa distante, o estágio inteiro está bem adiantado.

Acredito que as áreas cinzas não eliminarão as medidas repressivas, como as penalidades por não ter uma caixa registradora revo posnet. O único tipo é educar o público e, em seguida, uma consciência consistente de que estamos nos unindo ao grupo e do que é bom para a comunidade e que isso nos beneficia. O que é altamente necessário para reconquistar a confiança das pessoas no estado - muitas vezes aumenta, muitas vezes em ambientes rebeldes, que o Estado nos rouba. Os empreendedores que leem esta tese recomendam não notar grandes investimentos em infra-estrutura, motivo pelo qual piadas sobre nossas estradas nos dividem completamente em notícias. Da mesma forma, os políticos apresentam esse comportamento. A pregação irresponsável de slogans populistas não é bem recebida, especialmente entre os jovens que, quando são atraídos pela sua libertação, não se surpreendem com o que realmente está por trás deles.A prática ensina que os empreendedores desonestos sempre encontrarão uma maneira de contornar o sistema. Aqui, além disso, há o apoio de um número importante de clientes que, apesar de campanhas sociais voltadas a hábitos de coleta de recibos, ainda tratam os impostos como um bandido e o mesmo recebimento de lixo desnecessário. O que entre os presentes, que o governo irá definir multas altas por não ter uma caixa registradora fiscal, se a execução dessas penalidades será ineficaz?Apesar de tudo, a coisa não é tão ruim assim, quando você pode julgar com base nas declarações acima. A confiança dos poloneses no estado e entre si está crescendo - esse processo é lento e irregular, mas, considerando os vinte e seis anos, o pensamento é verdadeiro. Eu acho que com o desenvolvimento financeiro e mental do país, cada vez menos pessoas estarão fechando os lucros a curto prazo e muito mais - honestidade elementar. Mesmo que haja falhas como essa mudança de poder, isso não muda o fato de que somos uma nação sábia, embora pressionada, não destruiremos o que construímos depois de 1989. E que a nossa ainda será quase a Europa do que a Rússia.